6.19.2012

dog alemão, é o maior cão do mundo

Gilbson, um dogue alemão, é o maior cão do mundo de acordo com o guiness book. Ele já aparecu em diversos programas da televisão americana, inclusive no Ophra Winfrey Show, onde fez o maior sucesso ao lado do menor cão do mundo, um exemplar da raça chiuaua.


zebrule ou zedonk, zebra mule

animal hibrido pouco conhecido é o zebroid (ou zedonk, zebra mule ou zebrule), uma mistura de zebra com outro equino como o cavalo ou a mula.
Esse animal tem as características listras da zebra em apenas parte do corpo, principalmente nas patas e tem temperamento bem mais selvagem do que um equino doméstico.

DIA DA TERRA

DIA DA TERRA

Vamos conservar nosso planeta!

O dia Mundial da Terra é comemorado no dia 22 de abril. A data surgiu nos Estados Unidos na década de 70 quando o senador Gaylord Nelson organizou o primeiro protesto nacional contra a poluição. Mas foi só a partir da década de 90 que a data se internacionalizou, ou seja, outros países também passaram a celebrar a data.

Aproveite esta época para fazer alguma coisa boa para o planeta mãe Terra, como plantar uma muda, convocar os amigos para ajudar a coletar o lixo da praça ou parque que você frequenta, colocar lixeiras perto dos rios para evitar lixo nos córregos e muito mais pode ser feito. O importante é passar a mensagem da importância de cuidar do nosso planeta, afinal esta é a nossa casa.

Por coincidência hoje também celebramos o descobrimento do Brasil, quando os portugueses desembarcaram em terra tiveram o primeiro contato com os índios. Os portugueses estranharam muitos dos hábitos indígenas como o fato de andarem nus! Já que o calor do clima tropical é intenso as peças utilizadas funcionavam mais como adornos, o que contrastou muito com as roupas pesadas dos europeus devido ao clima mais frio e ameno.

Apesar do choque entre culturas, os índios ensinaram muito aos europeus. Os índios viviam e vivem em harmonia com a natureza, respeitam a mata, valorizam os bichos e são profundo conhecedores da flora onde vivem, inclusive utilizam como medicamentos diversos tipos de plantas.

Que tal aprendermos um pouco mais sobre os índios brasileiros tenho certeza que encontraremos dicas de como cuidar melhor da nossa Mãe Terra!

Curiosidades sobre a Terra:

  • Tem em torno de 4,5 bilhões de anos
  • Tem 510,3 milhões de km2 de área total
  • Aproximadamente 97% da superfície da Terra é composta por água
  • O ponto mais alto da Terra é o Everest no Nepal - China com aproximadamente 8.800 metros
  • A população humana atual da Terra é de aproximadamente 6 bilhões

6.08.2012

pastor alemão

Notável na sua inabalável lealdade. Fiel e verdadeiro até a última batida de seu coração. Nunca ocioso. Sempre em movimento. Bondoso, mas não um bajulador.
Um constante prazer para os olhos e para a alma.


Yuri da Casa Chaplin



O Pastor Alemão não é um cão da moda. Há mais de um século é uma raça em constante processo e melhoramento genético, em todo o mundo.

É uma das poucas, senão a única, em que se investe continuamente no controle da displasia coxo semural e de cotovelo bem como no controle de temperamento. A divisão existente na criação da raça e que criou a dicotomia cães de estrutura e cães e trabalho, hoje já não é tão estanque.

Há uma necessidade de se criar cães bonitos, robustos, fortes, com menos displasia e com temperamento compativel com as funçoes para as quais se destina, ou seja, um cão de guarda e de companhia.

Poder-se-ia dizer, um cão de agressividade controlada, ou seja, deve ter a agressividade necessaria para fazer a defesa do território e das pessoas que guarda. Nada acima disso. E nada abaixo.

Canguru

Canguru é o nome genérico dado a um mamífero marsupial da família Macropodidae, que também inclui os wallabies. As características incluem patas traseiras muito desenvolvidas e a presença de uma bolsa (o marsúpio) presente apenas nas femeas na qual o filhote completa seu desenvolvimento. O seu habitat situa-se em florestas e planícies.

A sua alimentação baseia-se em vegetais e frutas. O pêlo do canguru é, geralmente, espesso. Crescem durante toda a vida. A sua cauda mede de 0,70 cm a 1,40 m. A maior parte dos cangurus têm orelhas grandes e cabeça pequena.

O canguru, quando jovem permanece com a mãe, subindo na sua bolsa para se alimentar e ficar seguro, até que tenha mais que um ano de idade. Os Cangurus vivem na Austrália continental e Tasmânia, e na Nova Guiné. Pesam cerca de 500 g a 90 kg, medindo cerca de 80 cm a 1,60 metros. A sua gravidez (gestação) demora de 30 a 40 dias, dando à luz apenas um filhote de cada vez. Os cangurus nascem imaturos. O seu desenvolvimento é no interior de uma bolsa na barriga da sua mãe que se chama marsúpio. Aí, o filhote mama e protege-se.

Qualquer marsupial selvagem é cuidadoso com os humanos. No entanto, durante a seca, os cangurus são obrigados a invadir áreas povoadas em busca de comida. Quando os humanos se aproximam, eles podem se sentir ameaçados e partir para o ataque. Mesmo sendo simpático, um canguru bravo é capaz de matar um humano. Alguns dos maiores cangurus, como o canguru vermelho macho, Macropus rufus, podem medir 1,4 metro da cabeça aos pés. Nesta altura, eles podem derrotar um humano com facilidade. As fêmeas do canguru possuem a metade do tamanho dos machos, aproximadamente.

Os cangurus vermelhos preferem planícies abertas, enquanto as espécies cinzas preferem florestas densas. A principal diferença entre eles é a cor. Os cangurus das árvores possuem patas frontais mais fortes e resistentes que seus parentes. Eles podem ser encontrados nas florestas montanhosas do norte de Queensland. Os cangurus não costumam ficar mais de 15 km longe da água.

Cangurus vermelhos pulam usando suas fortes pernas em uma grande velocidade. Um canguru vermelho pode alcançar 56Km/h. Cada salto pode cobrir até 8 metros de distância em uma altura de 1,8 metros, são criaturas realmente incríveis e fofas. As femeas dos cangurus vermelhos são mais leves e mais rapidas do que os machos.

Os machos da espécie lutam entre si para ter o direito de acasalar com uma femea em potêncial, eles podem ficar em pé sobre seus rabos e chutar seu inimigo com suas pernas poderosas, também podem morder ou arranhar com suas garras afiadas, as quais eles também usam em lutas contra predadores como dingos.

ariranha

ariranha (Pteronura brasiliensis) é um mamífero da família Mustelidae, a mesma das lontras. No entanto, a ariranha é bem maior, podendo medir 1,8 metros, e pesar até 34 quilos. É encontrada em várias regiões da América do Sul. No Brasil, é encontrada principalmente nas bacias: Amazônica, Alta Bacia do Paraguai, do São Francisco e na Bacia do Paraná.

A pelagem da ariranha é curta e tem cor castanha, ficando mais escura quando molhada. Em seu queixo, peito e garganta, a ariranha apresenta manchas amareladas. A ponta do focinho da ariranha é coberta de pêlos. A cauda da ariranha e musculosa e achatada do meio até a ponta, fazendo dela uma espécie de leme para o deslocamento na água. Além da cauda, os pés largos e com membranas entre os dedos fazem da ariranha uma excelente nadadora.

Brincalhonas e barulhentas, as ariranhas vivem em pequenos grupos de até nove indivíduos – embora possam formas grupos temporários de até 20 ariranhas – nas margens de rios e lagos. Cada grupo domina um território de aproximadamente 12 km². Abrigam-se e reproduzem em tocas nas margens de rios e lagos, passam a maior parte do tempo na água, e seus hábitos são predominantemente diurnos.

A ariranha alimenta-se de peixes, pequenos crustáceos, moluscos, cobras e até filhotes de jacarés. Caça o peixe (geralmente grande) durante o mergulho, com a boca, mas sai da água para consumi-lo com a ajuda das mãos, embora não seja incomum vê-las se alimentando enquanto nadam de costas.

As ariranhas são monogâmicas. A reprodução ocorre na estação das chuvas, geralmente entre janeiro e março, sendo que a gestação dura aproximadamente 70 dias. De cada gestação nascem entre 1 e 5 filhotes. Durante os três primeiros meses, os filhotes não saem da toca, onde recebem o alimento da mãe. Após esse período, se unem ao grupo, que defendem os filhotes em conjunto. Com um ano, os filhotes começam a se tornar independentes. Entre 2 e 3 anos, as ariranhas alcançam a maturidade sexual.

A destruição do habitat natural das ariranhas somada a caça desses animas durante décadas – por causa de sua pele macia e sedosa – fazem com que essa espécie seja considerada vulnerável e ameaçada de extinção.

Referências:
MMA/SINIMA. Ariranha: Pteronura brasiliensis. Disponível em: http://ambientes.ambientebrasil.com.br/fauna/mamiferos/ariranha_%28pteronura_brasiliensis%29.html. Acesso em 04 fev. 2011.

Foto: http://www.cpap.embrapa.br/fauna/ariranha.html

Prometeu

O deus que lutou pelo bem estar dos homens, inclusive dando-lhes o fogo. Descendente dos titãs destronados por Zeus, chegou na terra e descobriu-a abandonada pelos céus, habitada por plantas e animais, mas faltava a criatura que fosse o senhor da terra. Por isso apanhou um bocado de argila e molhou com um pouco de água de um rio e com essa massa fez o homem, à semelhança dos deuses, e pegou as almas boas e más dos animais, animando sua criatura. Atena, deusa da sabedoria, admirou a criação do filho dos titãs e soprou naquela imagem de argila o espírito divino. Assim surgiram os primeiros seres humanos, que logo povoaram a terra, mas faltavam-lhes os conhecimentos sobre os assuntos da terra e do céu e vagavam sem saber a arte da construção,da agricultura, da filosofia. Ele se aproximou e ensinou às suas criaturas todos esses segredos da inteligência e todas as artes necessárias ao desenvolvimento da humanidade. Como último dom para que pudessem manter-se vivos deu-lhes o fogo, que ele roubara da carruagem de Febo, o Sol. Zeus, porém, irritou-se ao ver que o homem possuíra o fogo contra sua vontade e criou Pandora para desenvolver sua vingança. Depois de mandar Pandora para sua vingança contra a humanidade, Zeus dirigiu então sua fúria contra o titã, mandando que Hefesto e seus serviçais Crato, o poder, e Bia, a violência, acorrentarem o titã à um despenhadeiro do monte Cáucaso. Mandou ainda uma águia para devorar diariamente o seu fígado que, por ser ele um titã, sempre se regenerava. Seu sofrimento durou por numerosas eras, até que Héraclespassou por ali e viu o sofrimento do gigante. Abateu a gigantesca águia com uma flecha certeira e libertou o cativo das suas correntes. Entretanto, para que Zeus tivesse sua vontade cumprida, o gigante passou a usar um anel com uma pedra retirada do monte. Assim, Zeus poderia sempre afirmar que ele mantinha-se preso ao Cáucaso.

6.07.2012

islam

O Islamismo é uma religião monoteísta, ou seja, acredita na existência de um único Deus; é fundamentada nos ensinamentos de Mohammed, ou Muhammad, chamado pelos ocidentais de Maomé. Nascido em Meca, no ano 570, Maomé começou sua pregação aos 40 anos, na região onde atualmente corresponde ao território da Arábia Saudita. Conforme a tradição, o arcanjo Gabriel revelou-lhe a existência de um Deus único.

A palavra islã significa submeter-se e exprime a obediência à lei e à vontade de Alá (Allah, Deus em árabe). Seus seguidores são os muçulmanos (Muslim, em árabe), aquele que se subordina a Deus. Atualmente, é a religião que mais se expande no mundo, está presente em mais de 80 países.

Alcorão, livro sagrado do Islamismo
O livro sagrado do Islamismo é o alcorão (do árabe alqur´rãn, leitura), consiste na coletânea das revelações divinas recebidas por Maomé de 610 a 632. Seus principais ensinamentos são a onipotência de Deus e a necessidade de bondade, generosidade e justiça nas relações entre os seres humanos.

Dentre os vários princípios do Islamismo, cinco são regras fundamentais para os mulçumanos:
- Crer em Alá, o único Deus, e em Maomé, seu profeta;
- Realizar cinco orações diárias comunitárias (sãlat);
- Ser generoso para com os pobres e dar esmolas;
- Obedecer ao jejum religioso durante o ramadã (mês anual de jejum);
- Ir em peregrinação à Meca pelo menos uma vez durante a vida (hajj).

Oração dos mulçumanos
Após a morte de Maomé, a religião islâmica sofreu ramificações, ocorrendo divisão em diversas vertentes com características distintas. As vertentes do Islamismo que possuem maior quantidade de seguidores são a dos sunitas (maioria) e a dos xiitas. Xiita significa “partidário de Ali” – Ali Abu Talib, califa (soberano muçulmano) que se casou com Fátima, filha de Maomé, e acabou assassinado. Os sunitas defenderam o califado de Abu Bakr, um dos primeiros convertidos ao Islã e discípulo de Maomé. As principais características são:

Sunitas – defendem que o chefe do Estado mulçumano (califa) deve reunir virtudes como honra, respeito pelas leis e capacidade de trabalho, porém, não acham que ele deve ser infalível ou impecável em suas ações. Além do Alcorão, os sunitas utilizam como fonte de ensinamentos religiosos as Sunas, livro que reúne o conjunto de tradições recolhidas com os companheiros de Maomé.

Xiitas – alegam que a chefia do Estado muçulmano só pode ser ocupada por alguém que seja descendente do profeta Maomé ou que possua algum vínculo de parentesco com ele. Afirmam que o chefe da comunidade islâmica, o imã, é diretamente inspirado por Alá, sendo, por isso, um ser infalível. Aceitam somente o Alcorão como fonte sagrada de ensinamentos religiosos.

Alguns pontos em comum entre Xiitas e Sunitas são: a individualidade de Deus, a crença nas revelações de Maomé e a crença na ressurreição do profeta no Dia do Julgamento.

No Brasil, o Islamismo chegou, primeiramente, através dos escravos africanos trazidos ao país. Posteriormente, ocorreu um grande fluxo migratório de árabes para o território brasileiro, contribuindo para a expansão da religião. A primeira mesquita islâmica no Brasil foi fundada em 1929, em São Paulo. Atualmente existem aproximadamente 27,3 mil muçulmanos no Brasil.
Por Wagner de Cerqueira e Francisco
Graduado em Geografia

6.05.2012

peixe

Um peixe espada é vpacífico e muito bonito

O peixe Espada é muito conhecido por sua cauda longa e pontiaguda além da sua coloração vermelha. Quase todo mundo já viu ou criou uma deles. Em grego o nome Xiphophorus, significa portador de espadas. Porém, este nome não se deve, como muitos acreditam, à cauda do macho, que possui um prolongamento inferior com a forma de uma espada, mas sim, ao formato do gonopódio, seu órgão copulador, que é sustentado por uma dobra de pele em forma de bainha.

Esta espécie, a Xiphophorus Helleri, originária da América Central, tem comportamento pacífico, porém dependendo do seu habitat, os machos podem se tornar agressivos. Eles vivem em temperaturas em torno de 25º e nunca devem ser mantidos em temperaturas abaixo de 20º pois podem adoecer e se alimentar pouco.

Para cada macho deve haver três fêmeas. Eles adoram correr atrás delas e " dar uma namoradinha " e com isso as fêmeas acabam se estressando. O macho difere da fêmea por ter um raio inferior na cauda, que lembra a lâmina de uma espada, já a fêmea de coloração menos intensa tem a cauda em forma de leque e é maior do que o macho. No cativeiro o macho pode atingir 8 cm e a fêmea 10 cm.

A alimentação do peixe espada não é muito exigente. Basta uma boa ração. Pode viver de 2 a 3 anos. É bom que se mantenha o aquário tampado, pois o Espada é um excelente saltador.

REPRODUÇÃO

O Espada é vivíparo, ou seja, se reproduz através de fecundação interna (cópula). Os alevinos (filhotes) já nascem com a forma adulta, só que menores. A reprodução em aquários, permitiu se obter uma variedade bastante diversificada tais como: Espada Negro, o vermelho sangue, o Albino, o Wagtail (de nadadeiras pretas), o Tuxedo (com manchas negras por todo o corpo) e vários outros tipos, que além da diversificação da cor, possuem a cauda em forma de lira ou véu.

É fácil saber quando a fêmea engravidou, pois quando isto ocorre, ela apresenta uma grande mancha negra na base do oviduto. Também um pouco antes de nascerem pode-se ver os olhos dos alevinos através da fina parede abdominal. A fêmea depois de grávida, dará cria em 40 dias, em torno de 50 a 100 alevinos. Apos o parto, os filhotes irão se refugiar para escaparem de serem devorados pelos pais.

CURIOSIDADES

Alguns aquaristas e cientistas, já observaram o fenômeno da mudança de sexo na fêmea do Espada. Certas fêmeas, depois de algum tempo de vida, quando os ovários param de funcionar, têm a nadadeira anal transformada em gonopódio, ou seja, a cauda começa a se desenvolver na famosa espada masculina. No entanto esta teoria é rejeitada por alguns estudiosos, visto que o macho leva muito tempo para atingir a maturidade e desenvolver as características sexuais secundárias. Neste período antes do desenvolvimento o macho tem o corpo roliço como as fêmeas adultas, resultando para este grupo de estudiosos essa teoria enganosa de "mudança de sexo".

lula gigante

No fundo do oceano existem muitos animais e peixes estranhos e bizarros. Alguns são verdadeiros monstros marinhos temidos pelos navegadores desde que o homem se aventurou pelos mares desconhecidos.



A lula não é estranha, muito menos bizarra, mas nem por isso deixa de ser um destes monstros marinhos, capazes de ferir até mesmo uma baleia.

Dona de um abraço mortal em que tentar escapar é algo totalmente inútil, ela apavora desde navegadores até tubarões. Veja alguns vídeos incríveis deste animal enorme, inteligente, forte, e... carnívoro.

Antes é bom saber que existem diversas espécies de lulas, sendo a gigante (Architeuthis spp) e a colossal (Mesonychoteuthis hamiltoni) as duas maiores. A lula gigante, apesar do nome, não é tão grande como pode parecer. Ela é gigante comparada às suas parentes menores.

Estas é a tão assustadora lula gigante nadando em alto mar, olhando assim parece inofensiva.



Olhando mais de perto dá pra ver que ela está de olho em você hehehe.



Esta é uma das maiores lulas gigantes (Architeuthis spp) já encontrada.



A carcaça deste incrível invertebrado está guardada atualmente em um museu na Austrália.



Aqui está uma foto incrível em que se vêem várias lulas gigantes juntas.



Assista agora a um vídeo com este incrível animal se debatendo para não ser arrastado para dentro do barco.



Eu não posso colocar aqui os vídeos do documentário do canal The History Channel. Mas se quiser dê uma olhada no Youtube que você verá o documentário falando sobre a Lula Gigante dividido em 5 partes. Assista na sequência correta.

Agora vamos falar do verdadeiro e gigantesco monstro marinho: a Lula Colossal, esta sim merece o nome que tem! A lula colossal (Mesonychoteuthis hamiltoni) tem poder e força para brigar de igual com uma baleia.

Veja algumas fotos desta que é a maior entre todas as espécies de lulas. Esta é a maior já capturada, pena que não foi capturada viva.



A foto abaixo tem um link para uma página da National Geographic (em inglês) falando sobre a lula colossal capturada na antártida. Mesmo que você não entenda o que está escrito, vale a pena pelas comparações em uma imagem.



Veja o tamanho da lula colossal em relação a um homem.



Esta outra comparação é com um ônibus, uma baleia cachalote e a lula gigante. Clique na foto para ir à página da BBC falando um pouco mais sobre a maior lula já encontrada.



A lula colossal é verdadeiramente enorme, mostruosa mesmo. Ela é dona do maior olho entre todos os animais do planeta, com um diâmetro maior que uma bola.

Pouco se sabe sobre este cefalópode devido a profundidade em que vive nas gélidas águas do oceano ártico, profundidade que chega a 2.200 metros.

Um de seus predadores e muito provavelmente o único, é a baleia cachalote. Entretanto ela não se entrega facilmente. Com dois bicos enormes e afiados, e garras giratórias em forma de ganchos a batalha é feroz! Muitas cachalotes tem cicatrizes deste verdadeiro duelo de titãs.

Este vídeo mostra como deve ser esta briga de titãs.



Dá para ver as cicatrizes deixadas pela lula colossal na baleia.

Veja um vídeo com várias imagens deste animal que habita as profundesas do oceano.



Se habitasse as águas rasas e quentes em vez de viver nas águas profundas da antártida, a lula colossal faria com que os tubarões parecessem brincadeira de criança!

Seguidores

Follow by Email